Rede de fraudes – MPF alerta sobre falsas intimações por e-mail

O Ministério Público Federal não faz intimações por e-mails. Este é o alerta do MP aos usuários de internet, que estão recebendo mensagens falsas com um brasão inexistente da instituição.

A entidade identificou a fraude depois que a Procuradoria Geral da República foi procurada por pessoas que receberam e-mails em nome do MPF. As mensagens trazem supostas intimações para audiências.

O MPF ressalta que as intimações pela internet não existem e os procedimentos investigatórios a que se referem são falsos. Ao serem clicados, os e-mails instalam um programa que invade o computador e rastreia informações como senhas. O MPF recomenda que a mensagem seja apagada.

Segundo o Centro de Estudo, Resposta e Tratamento de Incidentes no Brasil, este tipo de fraude ocorre por meio de mensagem supostamente enviada por comunicação de uma instituição conhecida e que procura induzir o acesso às páginas falsas criadas para furtar dados pessoais dos usuários.

As mensagens são conhecidas pelo termophishing scam. A palavra foi criada pelos fraudadores para designar como “iscas” os e-mails que são usados para “pescar” dados.

Revista Consultor Jurídico